Eduardo Botelho nega lotear secretarias em troca de apoio para eleições em Cuiabá

Eduardo Botelho nega lotear secretarias em troca de apoio para eleições em Cuiabá

O cenário político em torno da disputa pela prefeitura de Cuiabá, tendo a frente nas pesquisas o deputado Eduardo Botelho (União), torna- se um dos principais pré-candidatos, bem posicionado nas pesquisas e ainda em negociação para definir seu candidato a vice-prefeito.

Diversos partidos estão buscando emplacar seus candidatos a vice na chapa de Botelho, como o PP com a secretária Grasielle Bugalho e o Republicanos, que ameaçou romper a aliança caso não tenha mais espaço.

Botelho afirma que as negociações ocorrem em torno de projetos, e não de cargos ou propostas financeiras. Ele espera montar uma ampla coligação, embora não acredite que conseguirá o mesmo número de partidos apoiando sua candidatura como o governador Mauro Mendes.

Os principais adversários de Botelho nesta disputa são o deputado federal Abílio Brunini (PL) e o deputado estadual Lúdio Cabral (PT), representando respectivamente a direita e a esquerda.

O objetivo de Botelho é unir diversos partidos em torno de seu projeto para Cuiabá, buscando uma ampla aliança para sua candidatura.

Resumidamente, o cenário aponta para uma disputa acirrada, com Botelho buscando uma coligação ampla em torno de seu projeto, enquanto enfrenta adversários representando diferentes espectros políticos.

 

Redação JA / Foto: reprodução

Clique abaixo e leia também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *