TOLERÂNCIA ZERO: Oito operações policiais estão sendo realizadas simultaneamente em Mato Grosso nesta terça-feira

TOLERÂNCIA ZERO: Oito operações policiais estão sendo realizadas simultaneamente em Mato Grosso nesta terça-feira

As forças de segurança de Mato Grosso estão nas ruas, desde as primeiras horas desta terça-feira (18.06), com oito operações policiais de cumprimento de mandados de prisões, buscas e reforço ao policiamento ostensivo, simultaneamente. As operações contam com o reforço de pelo menos 300 policiais, civis e militares, em 10 cidades mato-grossenses.

Em Lucas do Rio Verde, Sorriso, Sinop, Tapurah e Cuiabá é realizada a Operação North Banks, deflagrada pela Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO), da Polícia Civil, para cumprimento de 20 mandados judiciais, sendo 13 de prisões e sete buscas contra  furtos a agências bancárias.

Já a Delegacia Especializada de Estelionato e Outras Fraudes de Cuiabá deflagrou a Operação Fashion Scam para cumprir cinco ordens judiciais que têm como alvo um homem que se apresentava como diretor artístico para angariar valores de vítimas para supostos ensaios fotográficos e contratos publicitários internacionais. A atuação da polícia também inclui ações na cidade de São Paulo (SP).

A Secretaria Adjunta de Integração Operacional (Saiop), da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp), também está com cinco operações em andamento. As ações visam fortalecer o policiamento ostensivo levado às ruas pelas unidades da Polícia Militar, com reforço de equipes das Forças Táticas, Rotam, Companhia de Moto-patrulhamento, Cavalaria, Bope, entre outras.

Em Alto Araguaia (415 km de Cuiabá), a Sesp realiza a Operação Mancha Criminal, que tem como foco a prevenção dos homicídios. Na cidade de Sorriso (a 420 km), intensificou a Operação Vitae, que já está na 15ª fase.

Operação Vitae, em Sorriso

As operações também ocorrem nos municípios de Poconé (distante 104 km da Capital), Novo Mundo (a 785 km), e no distrito de Manso, em Cuiabá.

Em Poconé, onde ocorre a Operação Lustrum, o objetivo do reforço ao policiamento é a repressão às atividades de organizações criminosas no tráfico de drogas. Em Novo Mundo, as equipes policiais reforçam o trabalho da Patrulha Rural com policiamento no campo. Em Manso, a PM faz a prevenção e repressão à criminalidade.

Em Sinop, a Polícia Militar lançou a Operação Comando Itinerante, na qual 50 policiais de unidades militares do policiamento especializado trabalham com abordagens, buscas e checagens em áreas com maiores incidências criminais.

O secretário adjunto de Integração Operacional da Sesp, coronel PM Fernando Tinoco, destaca a importância dessas ações ostensivas, da presença forte das forças policiais, e agindo preventivamente ou na restauração da ordem e segurança da população.

“Vamos continuar levando reforço ao policiamento, com equipes especializadas, a todos as regiões do Estado. Hoje, com os investimentos feitos pelo Governo do Estado, além de capacitados, nossos policiais estão equipados para o enfretamento necessário à criminalidade”, analisa o coronel.

“Nossas ações e resultados têm comprovado, cotidianamente, que, assim como o governador Mauro Mendes determinou, em Mato Grosso a tolerância é zero para todas as modalidades criminosas”, completa o secretário.

 

Por: Alecy Alves | Sesp-MT

Clique abaixo e leia também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *