UFMT vai realizar treinamentos de defesa pessoal gratuitos para mulheres

24/09/2018 – Mais de 2 mil ocorrências de agressão contra mulheres foram registradas em Mato Grosso, de janeiro a abril de 2018, segundo dados do Ministério Público Estadual. Essa triste realidade, que não é encontrada somente no estado, mas em todo o Brasil, vem num crescente.

Preocupada com a segurança das mulheres, dentro e fora do Campus, a Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) vai oferecer treinamentos gratuitos de Krav Maga – a defesa pessoal israelense – para as mulheres interessadas, acima de 18 anos, entre elas alunas e funcionárias da Universidade e pessoas da comunidade.

Os treinamentos, que serão realizados no dia 20 de outubro, das 15h, no ginásio da UFMT, serão ministrados pela Federação Sul Americana de Krav Maga, a única representante oficial da modalidade no Brasil, México e Argentina e detentora da marca Krav Maga no Brasil.

A aula contará com exercícios de defesa contra roubo de bolsa, puxão de cabelo, agressão, estrangulamento, situação de estupro, entre outras.

Segundo explica a Instrutora Taísa Guimarães, habilitada pela Federação e responsável pela difusão da modalidade em Mato Grosso, o Krav Maga foi desenvolvido para que qualquer pessoa, independentemente de sexo, idade ou porte físico, esteja pronto para se defender de um ou mais agressores, armados ou não. “Não se trata de um esporte e sim de uma modalidade de defesa, que torna as pessoas mais atentas e preparadas para não se tornarem vitimas da violência cotidiana”, afirma Taísa.

O que é o Krav Maga? – Criado em Israel, na década de 40, por Imi Lichtenfeld, o Krav Maga é a única modalidade reconhecida mundialmente como arte de defesa pessoal. No Krav Maga não há competições, campeonatos ou medalhas. O maior troféu é a vida que será salva um dia.

Do ponto de vista físico, o princípio desta modalidade de defesa é que os exercícios sejam exequíveis por qualquer pessoa, em seu ritmo próprio, respeitando o limite de seu corpo.

Emocionalmente, o Krav Maga forma pessoas mais seguras. Para se enfrentar situações de risco é preciso capacidade mental e isso se adquire por meio de práticas orientadas pelo instrutor.

A prática também influencia no comportamento. Atenção, disciplina e seriedade, saber diferenciar o certo do errado, usar o autocontrole, tudo isso é praticado.

Lugar de mulher é no tatame? – As mulheres já são 30% do público que pratica o Krav Maga. O treinamento de defesa pessoal dá a elas a condição psicológica e física para que ela vença o medo e seja ativa no combate à violência.

Taísa Guimarães conta que a procura pela modalidade israelense de defesa pessoal vem crescendo bastante, inclusive pelas mulheres que buscam formas de se sentirem mais seguras. “O treinamento do Krav Maga com profissionais habilitados promove o aumento da autoestima das mulheres e as torna mais atentas à sua segurança e bem estar”, afirma Taísa.

 

SERVIÇO: Treinamento de Krav Maga para mulheres acima de 18 anos

Data: 20 de outubro

Horário: das 15h

Local: ginásio da UFMT

 

Inscrições: de 27 de setembro a 15 de outubro, no ginásio da UFMT (atendimento das 8h às 11h e das 14h às 17h). A inscrição só será realizada pessoalmente.

O treinamento é gratuito e as vagas são limitadas

 

Informações adicionais: (65) 3615-8841

 

Sobre a Federação Sul Americana de Krav Maga –  A defesa pessoal israelense foi trazida ao Brasil, em 1990, pelo israelense Grão Mestre Kobi Lichtenstein (faixa-preta – 8º Dan).

Grão Mestre Kobi começou a praticar o Krav Maga aos três anos de idade com Imi Lichtenfeld – o criados da modalidade – e foi o primeiro faixa-preta de Imi a sair do estado de Israel para difundir a modalidade pelo mundo.

Ao chegar ao Brasil, Grão Mestre Kobi se estabeleceu na cidade do Rio de Janeiro, onde fundou e hoje dirige a Federação Sul Americana de Krav Maga que, ao destes anos, vem realizando um trabalho extremamente sério e responsável. Ainda hoje, o método de prática e de ensino da Federação é o mesmo criado por Imi Lichtenfeld e utilizado em Israel. Ou seja, isso garante a segurança de quem pratica.

Grão Mestre Kobi supervisiona pessoalmente a prática e a divulgação do Krav Maga no Brasil, na Argentina e no Peru, mantendo o alto nível ético e técnico dos instrutores e alunos, seguindo os passos ditados por Imi. 

Para saber mais, acesse: www.kravmaga.com.br

Siga-nos nas redes sociais: www.facebook.com/mestrekobikravmaga

Foto; Reprodução 

Informações para imprensa

24, setembro, 2018|