Tite chama Neymar, Vinicius Junior e Bruno Henrique para amistosos

O técnico da seleção brasileira Tite divulgou, na manhã desta sexta-feira (16), a lista dos convocados para os amistosos contra as seleções do Colômbia e Peru, nos dias 1º e 6 de setembro. E a lista está repleta de novidades e retornos.

A primeira novidade foi a convocação do atacante Bruno Henrique, do Flamengo. Outro nome que surge pela primeira vez na lista foi do lateral do Santos, Jorge. Samir, que atua pela Udinese da Itália, também é um dos nomes que apareceram como surpresa entre os convocados.

Inesperada mesmo foi a convocação de Ivan, goleiro do Sub-20 da Ponte Preta, que também foi chamado. Ele foi o goleiro da seleção pré-olímpica que conquistou o Torneio de Toulon esse ano, sendo um dos destaques do time. A Ponte Preta não tinha um representante na seleção há 17 anos, o último havia sido Washington Coração Valente em 2002.

No caso dos retornos, o de maior impacto é o de Neymar. Sem jogar pelo Paris Saint Germain, e com o futuro indefinido, o camisa 10 retorna ao time nacional após um turbilhão na vida pessoal, que além da lesão no início da preparação para a Copa América, contou também com a insatisfação da torcida parisiense e problemas com a justiça.

Vinicius Junior, do Real Madrid, também volta ao time. Muitos tinham a expectativa de ver o jovem atacante na Copa América, o que não ocorreu. Agora, ganha a chance para os próximos compromissos.

De resto, o esqueleto do time que venceu a competição mais recente foi mantida. Ederson, Ewerton e Ivan são os goleiros. Alex Sandro, Daniel Alves, Eder Militão, Fagner, Jorge, Marquinhos, Thiago Silva e Samir compõe a parte defensiva da seleção. Para o meio de campo, Tite tem como opções Alan, Arthur, Casemiro, Fabinho, Lucas Paquetá e Phillipe Coutinho. No ataque, Bruno Henrique, David Neres, Firmino, Neymar, Richarlison e Vinicius Junior completam a equipe.

O primeiro compromisso do Brasil será no dia seis de setembro, contra a Colômbia em partida disputada em Miami, nos Estados Unidos.

 

`Por;Raphael Costa/ AG Brasil

Foto; Foto -Lucas Figueiredo/ CBF

17, agosto, 2019|