PM prende homem ao jogar ‘santinhos’ em frente de escola em Várzea Grande

07/10/2018 – A conduta do suspeito ficou caracterizada como boca de urna ou arregimento de eleitor, segundo o registro do boletim de ocorrência. O juiz coordenador da propaganda eleitoral, Paulo Sodré, observou que a distribuição de materiais gráficos de campanha fica proibida a partir das 22h do dia 6 de outubro (sábado), em primeiro turno, e 27 de outubro (sábado), em segundo turno, se houver. E que os candidatos devem dar um destino ecologicamente correto aos restos de material de campanha.

O homem foi preso em flagrante na madrugada na madrugada deste domingo (7), quando jogava ‘santinhos’ em frente de da Escola Estadual Pedro Gardéz, em Várzea Grande. Com ele, a Polícia Militar apreendeu uma bolsa com materiais de campanha politica e a quantia de R$ 50.

Paulo Sodré também destacou que as forças de segurança pública deverão conduzir coercitivamente os infratores para a delegacia, para a promoção das medidas pertinentes. “Os infratores ficarão sujeitos à prisão em flagrante pelo crime previsto no art. 39, §5°, II e III, da Lei nº 9.504/97 e a apreensão de toda a propaganda eleitoral que portarem”.

O juiz da propaganda eleitoral, Jackson Coutinho, observou que os eleitores também podem ajudar a Justiça Eleitoral, enviando fotos e vídeos para registrar locais de votação que forem alvos do derramamento de santinhos. “Os eleitores podem enviar essas fotos e vídeos por meio do aplicativo Pardal, que pode ser utilizado tanto por celulares Android quanto Iphone”, destacou.

 

7, outubro, 2018|