Piloto Willian Cancelier se dá bem na etapa de Cuiabá do BRVT

O piloto da Bahia Willian Cancelier saiu na frente na pontuação na etapa do Brasileiro de Velocidade na Terra na cidade de Cuiabá. Os pilotos do autocross aceleraram no Autódromo Bom Futuro no sábado e domingo. Quem encarou o sol forte foi testemunha de grandes disputas. No dia de abertura do Brasileiro de Velocidade na Terra foram duas baterias válidas pela primeira prova da temporada. Dentro da pista quem saiu vitorioso foi Willian Cancelier, que venceu a primeira bateria e Gilliard Scheffer, vencedor da segunda. Cancelier e Gilliard empataram em 35 pontos. Pelo critério de desempate (melhor posição na tomada de tempo), Willian ficou com o primeiro lugar. A Super Pole de sábado foi para Lucas Lazzari, que ganhou um jogo de pneus Firestone.

Na primeira corrida Cancelier largou da terceira colocação e se manteve próximo aos líderes até assumir a ponta e receber a bandeira quadriculada. Situação contrária aconteceu com o também baiano Lucas Lazzari, que largou na primeira colocação e terminou em quarto lugar. A bateria também ficou marcada pela dificuldade dos favoritos Celsinho Mello, o atual campeão brasileiro, e o local Marlon Fedrizzi, que tiveram problemas com os carros e não conseguiram brigar pela vitória. A melhor volta da corrida foi cravada por Athus Biruel (1min23s950).

Para a segunda corrida os quatro primeiros colocados foram invertidos e Lucas Lazzari novamente saiu da posição de honra do grid, mas tinha o experiente Vanderlei Reck largando ao seu lado. O piloto local conseguiu contornar melhor a primeira curva e assumiu a liderança da prova e quando tudo parecia correr bem para o mato-grossense, um problema com o carro obrigou que Reck fosse aos boxes deixando a liderança para, o também local, Gilliard Scheffer receber a bandeira quadriculada. A melhor volta foi de Rafael Bortoli (1min24s809).

O segundo dia de provas no domingo marcou a recuperação do atual campeão brasileiro Celsinho Mello. Após marcar a SuperPole durante a manhã o paulista fechou a segunda prova da etapa no lugar mais alto do pódio, com 38 pontos, seguido de William Cancelier (37 pontos) e Marlon Fedrizzi (34 pontos).

A primeira corrida começou com Celsinho na ponta, segurando a primeira colocação até a intervenção do Safety Car para a manutenção da pista. Faltando três voltas para o final, com a pista escorregadia, o paulista acabou perdendo o controle do carro na Curva da Chapada e foi ultrapassado pelo baiano Wilian Cancelier, que recebeu a bandeira quadriculada. Celso ficou em segundo com Ricardo Fragnani em terceiro. A melhor volta da prova foi para Celsinho (1min21s890).

Na segunda bateria do dia Adroaldo herdou a posição de honra do grid com a inversão dos quatro primeiros colocados na primeira corrida, mas não conseguiu aproveitar a chance, rodou  e foi forçado a abandonar a prova logo na primeira volta.  O vencedor da bateria foi Marlon Fedrizzi, com Fernando Maggi Scheffer em segundo e Celsinho em terceiro. A melhor volta da segunda corrida do dia foi cravada por Wellington Antunes (1min23s203).

A primeira etapa do BRVT 2019 foi uma realização da Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA), Federação de Automobilismo do Estado do Mato Grosso (FAEMT) e Autódromo Bom Futuro. Agora o próximo encontro do nacional será em Cordeirópolis (SP), nos dias 14, 15 e 16 de junho, para as categorias Autocross, Kartcross e Turismo VNT.

Pontuação geral do campeonato:

1) 765 – Willian Cancelier 69;

2) 25 – Vanderlei Reck – 50;

3) 538 – Fernando Scheffer – 46;

4) 599 – Gilliard Scheffer – 43;

5) 578 – Marlon Fedrizzi – 43;

6) 714 – Lucas Henrique Lazzari – 41;

7) 177 – Lucas Locatelli – 34;

8) 482 – Celso Mello – 34;

9) 9 – Wellington Antunes – 33;

10) 577 – Alexandre Garcia – 32.

 

 

 

Por; Cairo Lustoza 

2, maio, 2019|