Palmeiras bate Cruzeiro e agora seca São Paulo por liderança

30/09/2018 – O Palmeiras fez sua parte para assumir a liderança do Brasileiro, venceu o Cruzeiro por 3 a 1 no Pacaembu neste domingo de manhã e agora torce contra o São Paulo. O time do Morumbi vai vistar o Botafogo, às 16h, nesta 27ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Invicto agora há 12 jogos no Nacional (nove vitórias e três empates), o Verdão chegou aos 53 pontos e até os jogos da tarde é o primeiro colocado. Caso o São Paulo não vença, assumirá de vez a ponta, pela primeira vez nesta edição.

O Cruzeiro, estacionado no sétimo lugar, segue com suas atenções voltadas ao mata-mata. Na Copa do Brasil, enfrenta o Corinthians na decisão, e nesta quinta precisa reverter no Mineirão a derrota sofrida para o Boca Juniors (ARG) por 2 a 0 na ida das quartas da Libertadores.

Lucas Lima abriu o placar para a vitória do Palmeiras por 3 a 1 sobre o Cruzeiro (Foto: Luis Moura/WPP/Lancepress!)
Lucas Lima abriu o placar para a vitória do Palmeiras por 3 a 1 sobre o Cruzeiro (Foto: Luis Moura/WPP/Lancepress!)

Foto: LANCE!

Vantagem apesar do erro

Com apenas seis jogadores que começaram a partida de quarta (Marcos Rocha, Felipe Melo, Bruno Henrique, Dudu, Léo e Lucas Romero), a briga do Mineirão realmente ficou para trás. O time misto do Palmeiras começou melhor, jogando com a bola no chão e tentando algo que vinha faltando: chutes de fora da área. Foi assim que abriu o placar, em um tiro desviado de Lucas Lima.

A Raposa havia tido só uma chance no começo, com Raniel. Mas conseguiu o 1 a 1 quando o árbitro Dewson Freitas da Silva marcou pênalti erradamente, após toque na mão de Gustavo Gómez, mas bem fora da área. Mancuello empatou, só que a igualdade durou pouco. Após boa trama entre Marcos Rocha e Dudu, Hyoran fez 2 a 1 de cabeça, no fim da primeira etapa no Pacaembu.

Pênalti do outro lado, também

Com o jogo mais truncado no segundo tempo, Mano Menezes aproveitou para dar ritmo a Arrascaeta e Fred, que voltavam de lesão, já pensando no duelo com o Boca, pela Libertadores. Mas foi Willian, no Palmeiras, que entrou e participou do lance que definiu a partida.

Substituto de Dudu, o camisa 29 recebeu um lindo lançamento de Deyverson, e ao tentar o drible, Dewson marcou a penalidade, desta vez a favor do Palmeiras, após toque na mão de Marcelo Hermes dentro da área. O zagueiro Gustavo Gómez bateu – e bem – para fazer 3 a 1.

O clima da partida que era tranquilo começou a mudar quando os cruzeirenses se irritaram com algumas jogadas mais performáticas de Deyverson. Ninguém foi expulso, porém, e a torcida terminou fazendo festa, com gritos de “olé”.

FICHA TÉCNICA

PALMEIRAS 3 X 1 CRUZEIRO

Local: Pacaembu, São Paulo (SP)

Data-Hora: 30/9/2018 – 11h

Árbitro: Dewson Fernando Freitas da Silva (Fifa/PA)

Assistentes: Helcio Araujo Neves (PA) e Heronildo Freitas da Silva (PA)

Público/renda: 35.654 pagantes/R$ 1.260.130,00

Cartões amarelos: Moisés, Deyverson, Hyoran, Gustavo Gómez e Felipe Melo (PAL), Manoel, Léo, Fred, Marcelo Hermes, Ezequiel e Mancuello (CRU)

Cartões vermelhos: –

Gols: Lucas Lima (22’/1ºT) (1-0), Mancuello (29’/1ºT) (1-1), Hyoran (41’/1ºT) (2-1), Gustavo Gómez (20’/2ºT) (3-1)

PALMEIRAS: Fernando Prass; Marcos Rocha (Mayke, aos 29’/2ºT), Luan, Gustavo Gómez e Victor Luis; Felipe Melo, Bruno Henrique e Lucas Lima (Moisés, aos 40’/2ºT); Dudu (Willian, aos 15’/2ºT), Hyoran e Deyverson. Técnico: Felipão.

CRUZEIRO: Rafael; Ezequiel, Manoel, Léo e Marcelo Hermes; Ariel Cabral, Bruno Silva (Rafael Sobis, aos 10’/2ºT), Lucas Romero e Mancuello; David (Arrascaeta, aos 17’/2ºT) e Raniel (Fred, aos 17’/2ºT). Técnico: Mano Menezes.

 

Por; Thiago Ferri

30, setembro, 2018|