MT-Prev pode entrar em colapso, rombo deverá ser de R$ 1 bilhão em 2018. diz técnicos do TCE

10/08/2018 – O atual déficit da Previdência em Mato Grosso faz com que o Estado destine 4% de toda sua receita para cobrir o rombo no sistema.

Conforme foi divulgado pelo TCE, a situação do MT-Prev preocupa os técnicos da Secretaria de Controle Externo de Previdência, do Tribunal de Contas do Estado. O rombo, conforme o TCE, deverá ser de R$ 1 bilhão em 2018. Conforme o secretário do setor no TCE, Eduardo Ferraz, se algo não for feito com urgência o sistema previdenciário de Mato Grosso entrará em “colapso”.

Para esse ano, a estimativa é de que o déficit da Previdência estadual chegue a R$ 1,1 bilhão. Ainda de acordo com alguns candidatos ao governo em seus discursos eleitoreiros,  o rombo pode atingir R$ 3 bilhões em 2022. Esses são números revelados em estudos do Banco Mundial e do próprio sistema previdenciário do Estado. Ou seja, o candidato que for  eleito neste pleito de 2018 terá a missão de  arrumar dinheiro novo para pagar isso ou os aposentados não vão receber.

É uma dura realidade que os governantes terão pela frente, fazer a economia e a arrecadação crescer.

 

Da Redação

10, setembro, 2018|