Jovem é violentada e fotografada nua por homem que conheceu no Facebook

Uma jovem de 26 anos viveu momentos de terror na noite dessa quinta-feira (23) ao sair para um encontro com um homem que conheceu pelo Facebook. Ela foi assaltada, estuprada, fotografada e abandonada na rua. O caso aconteceu no Bairro Sagrada Família, em Rondonópolis (220 km de Cuiabá).

Uma equipe da Polícia Militar que estava em rondas pelo Bairro Sagrada Família encontrou a jovem aos prantos e bastante nervosa. Questionada sobre o que teria ocorrido, ela disse que tinha sido roubada, mas se recusava a dar detalhes do crime, ou características do criminoso.

“A todo momento dizia que não podia falar nada, pois o homem que a havia roubado disse que iria matá-la e também tirou foto da mesma”, consta no boletim de ocorrência.

Com muita conversa, os policiais convenceram a jovem a deixar que a equipe a levasse até em casa, onde a mãe dela foi encontrada e contou, segundo o boletim de ocorrência, que a filha havia saído de casa na noite dessa quinta-feira (23), por volta das 20 horas, para se encontrar com um rapaz que conheceu na internet.

Ainda na casa, a vítima acabou contando para a irmã que além de ter sido roubada e ameaçada, havia sido estuprada. O suspeito, segundo a jovem, a obrigou a tirar a calça e praticou o ato.

Com a informação do estupro – que até então os policiais não tinham, a vítima foi encaminhada, em companhia da irmã, para um pronto-atendimento, onde ela foi medicada e liberada, mas, como ela ainda estava muito assustada, se recusou a tirar as vestes para realizar qualquer exame.

A jovem só contou aos policiais o que havia acontecido depois de passar pelo atendimento médico. Conforme o boletim de ocorrência, ela relatou ter conhecido o suspeito no Facebook e que só sabia o primeiro nome usado por ele: Gilberto.

Os dois marcaram de se encontrar pela primeira vez nessa quinta-feira (23) e “Gilberto” foi buscá-la em uma Toyota Hillux de cor prata. Assim que entrou na camionete, a jovem foi surpreendida pelo suspeito, que sacou um revólver preto e dirigiu até o Bairro Sagrada Família, onde roubou, estuprou, fotografou e abandonou a vítima.

Ele fugiu em direção ao Bairro Cophalis, levando a carteira da jovem com todos seus documentos, um cartão de banco e um celular.

O caso foi registrado como roubo, estupro e ameaça e será investigado pela Polícia Judiciária Civil. O suspeito ainda não foi identificado.

 

Reação JA/ Foto; Reprodução

24, maio, 2019|