Ex-presidente do TJ é homenageado pela OAB-MT

O ex-presidente do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT), desembargador Rui Ramos Ribeiro, recebeu, na tarde desta quinta-feira (21), uma homenagem da Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Mato Grosso (OAB-MT). A honraria foi entregue no auditório da sede da autarquia, no Centro Político Administrativo de Cuiabá, durante a primeira sessão do Conselho Pleno da OAB-MT da atual gestão, pelo presidente reeleito da Ordem, Leonardo Campos.

 

A homenagem é um reconhecimento aos esforços empreendidos pelo representante do Poder Judiciário durante o biênio 2017/2018. “Essa é uma forma que a advocacia mato-grossense reconhece ao poder Judiciário, na pessoa do então presidente Rui Ramos Ribeiro, a excelente parceria. E, certamente, nós levamos justiça a todos os cidadãos deste Estado”, pontuou o presidente da OAB-MT.

 

Ainda conforme Leonardo, as instituições devem caminhar em parceria e na busca de melhor atender à sociedade. “Devemos trabalhar em uma direção. E qual a direção? Dar condições aos cidadãos, os principais clientes – tanto dos advogados, quanto dos magistrados – de receber os serviços de forma célere. Encontramos lá, na figura do desembargador Rui Ramos, as portas sempre abertas e nós reconhecemos quando as parcerias funcionam”, disse.

 

Rui Ramos disse que se sentiu lisonjeado pela honraria, mas lembrou que o título que recebeu pertence a todos os servidores de sua equipe. “Não há palavras para definir. A homenagem é feita à minha pessoa, mas é para todos aqueles que trabalharam conosco. Maior que o título foi nosso esforço durante a gestão. Ele nos engrandece, nos satisfaz, nos alegra. O grande destinatário de todo nosso trabalho – e a sinergia entre os poderes – é a boa prestação de justiça ao cidadão. Então, todo o esforço físico e mental investido é um serviço de uma vida – tanto dos advogados, quanto dos magistrados – em busca de atender o cidadão”, ponderou o magistrado.

 

Atualmente, o desembargador está na Segunda Câmara de Direito Público e Coletivo, Turma de Câmara Cíveis Reunidas de Direito Público e Coletivo e Seção de Direito Público e Coletivo.

 

Redação JA

Por;Ulisses Lalio / Fotos: Adilson Cunha

24, fevereiro, 2019|