Corregedor Eleitoral anuncia 18ª Zona Eleitoral de Mirassol D’Oeste como vencedora do III Prêmio Esemplare

20/12/2018 – O Corregedor Regional Eleitoral de Mato Grosso, Desembargador Pedro Sakamoto, anunciou nesta quarta-feira (19/12), durante a sessão plenária, a 18ª Zona Eleitoral como vencedora do III Prêmio Esemplare. A iniciativa avalia, por biênio, o empenho dos cartórios eleitorais na condução dos processos judiciais, eleições, cadastro eleitoral e atividades administrativas.

“A zona eleitoral vencedora se destacou na condução dos processos judiciais e nós reconhecemos o seu bom desempenho durante o biênio mensurado. No entanto, é preciso ressaltar que estar na última posição do ranking não significa um desempenho insatisfatório ou prejudicial. Todas as zonas do Estado cumprem com eficiência suas finalidades. Reconheço que algumas zonas passaram pelo complexo processo de revisão biométrica do eleitorado, ao mesmo tempo que tiveram que planejar e realizar as eleições municipais de 2016, ou seja, desempenharam um trabalho árduo e desgastante. Portanto, deixo meus sinceros reconhecimentos a todos os servidores, magistrados e promotores que compõem a primeira instância dessa Justiça Especializada”, ressaltou o Corregedor Regional Eleitoral de Mato Grosso, Desembargador Pedro Sakamoto.

O Prêmio Esemplare foi instituído em 2013 e, deste então, durante o biênio – com o intuito de contemplar uma eleição, os trabalhos desenvolvidos por todas as zonas eleitorais são avaliados por uma equipe técnica.

O assessor jurídico da Corregedoria Regional Eleitoral, Mauro Sérgio Diogo explica as estratégias adotadas para realizar a avaliação:“Parte dos dados utilizados na avalição são coletados durante o Fórum de Representantes de Zonas Eleitorais (FREZE), uma outra iniciativa desenvolvida pela Corregedoria após as eleições, ocasião em que todo o processo é reavaliado para posterior adoção de ações de aperfeiçoamento e melhorias. No total são 33 critérios técnicos avaliados”.

Outra ferramenta utilizada pela Corregedoria para realizar a avalição é o Sistema de Registro de Ocorrências Penais e Inelegibilidade. “O SIROPI fornece informações detalhadas sobre todos os inquéritos e processos penais em trâmite na Justiça Eleitoral. É possível a extração de relatórios diversos”.

 

Vencedores das edições anteriores

A primeira avaliação ocorreu de 2012 a 2014 e resultou na premiação da 21º ZE de Lucas do Rio Verde. Já a segunda edição, com mensuração de 2014 a 2016 foi sagrada vencedora a 6º Zona Eleitoral de Cáceres.

Por: Andréa Martins Oliveira

20, dezembro, 2018|