Com corrida próxima, abertura da temporada de 2019 entra para a história do Mundial de Motovelocidade

Sensacional dentro da pista, com uma disputa pela vitória que durou até os últimos metros da corrida, o GP do Catar, abertura da temporada de 2019 da MotoGP, foi um marco também nos livros de recorde da MotoGP.

Os 15 primeiros colocados da corrida finalizaram em 15s093, fazendo o top-15 mais compacto em 70 anos de disputa da categoria principal do Mundial de Motovelocidade. A média entre todos os pilotos dentro da zona de pontuação pela primeira vez na história foi de pouco mais de um segundo.

.” pecasauto24.pt ”

Leia também:

       Dentro deste espaço, a diferença entre Dovizioso e Márquez, primeiro e segundo, foi de apenas 0s023 – três milésimos menor que no ano passado, em uma chegada muito parecida na pista de Losail. Além disso, o top-5 ficou em apenas 0s600, com quatro montadoras (Ducati, Honda, Suzuki e Yamaha) ocupando os lugares.

A categoria principal também foi a corrida mais próxima das três do último domingo, que só tiveram chegadas com menos 0s1.

Na Moto3, Kaito Toba superou Lorenzo Dalla Porta por 0s053 na última reta para conseguir sua primeira vitória na carreira. Na Moto2, Lorenzo Baldassarri segurou Thomas Luthi por 0s026 na linha de chegada.

E na MotoGP, após ter ultrapassado na última curva e dar o troco em Marc Márquez, Andrea Dovizioso derrotou seu rival por 0s023. A soma das diferença deu 0s102.

Por; andrea-dovizioso-ducati-team-l Reprodução
MotoSport.com
11, março, 2019|