Anoreg-MT e cartórios realizam sonho de 2416 casais

A Associação dos Notários e Registradores do Estado de Mato Grosso (Anoreg-MT) e 118 cartórios do Estado estiveram envolvidos no Projeto “Cartório Amigo – Ações para um futuro melhor”, evento que proporcionou a celebração de matrimônio a 2416 casais. Em Cuiabá, 291 casais oficializaram a união, assistidos por aproximadamente duas mil pessoas, na sede da Associação Mato-grossense de Magistrados (Amam), parceira do projeto.

 

A tabeliã substituta do Cartório Xavier de Matos, Eliza de Fátima Santa, representou os diretores da Anoreg-MT, os quais estavam em suas respectivas serventias organizando e participando do projeto. Ela agradeceu a participação de todos os cartórios envolvidos e deixou a seguinte mensagem aos casais: “O amor é paciente, o amor é bondoso. Não inveja, não se vangloria, não se orgulha. Não maltrata, não procura seus interesses, não se ira facilmente, não guarda rancor. O amor não se alegra com a injustiça, mas se alegra com a verdade. Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta” (Texto bíblico de 1º Coríntios – Capítulo 13, Versículos de 4-8).

 

Para o casal Antonio Gomes Machado e Regina Helena Varrela Gomes, o Cartório Amigo foi a realização de um sonho. “Estamos juntos há apenas seis meses, mas não poderíamos perder a oportunidade de concretizar nossa união. Estamos muito felizes e, agora, é só felicidade”, resumiram.

 

Valdeson Alves de Souza e Neusa Maria dos Santos de Souza, juntos há 12 anos, compartilharam da mesma informação. “É uma felicidade só. Era o que estava faltando em nossas vidas. Por questões financeiras, sempre adiamos nosso sonho, mas, com o Cartório Amigo, conseguimos realiza-lo. São pequenos atos que significam grande conquista para as pessoas e somos gratos aos cartórios por esse momento”.

Na avaliação do casal Daniel Fernando Silva Porto e Beatriz Vitória Silva Porto, juntos há 4 anos, “o casamento representa união, amor, felicidade, respeito e alegria. Estamos muito felizes por este momento e só temos a agradecer pela realização de um sonho”.

 

O juiz auxiliar da Corregedoria-Geral da Justiça José Arimatéa Neves Costa prestigiou o evento. “Parabenizo a todos os casais por este momento de felicidade e a Anoreg-MT por realizar esse evento, que tem o apoio do Poder Judiciário. Trata-se de um evento de suma importância, um dos atos civis mais importantes da vida de um cidadão, que tem um significado para a vida civil, para a constituição da família, para a proteção da prole, para a estabilização das relações jurídicas ao casal”.

 

Por sua vez, o diretor da Escola da Magistratura Mato-grossense (Emam), juiz Emerson Pereira Cajango, destacou que a parceria com a Anoreg-MT e cartórios serviu, também, para demonstrar à sociedade que “a missão dos magistrados não é apenas julgar ações. Temos uma função social e a participação no casamento social é uma demonstração dessa preocupação”.

 

Assessoria/Foto; Reprodução

13, agosto, 2019|