Ambulantes da Praça Luiz Albuquerque serão transferidos para praça 8 de abril durante Réveillon

27/12/2018 – Para atender os três dias de festa do Réveillon dos 300 Anos, a Prefeitura de Cuiabá está montado uma grande força-tarefa em prol das ações que garantirão a segurança da população cuiabana.  Seguindo isso, a equipe organizadora desenhou um plano de saídas emergenciais para o circuito da Orla.

Dessa forma, os ambulantes, que normalmente trabalham nesta época na Praça Luiz Albuquerque e no entorno dela, serão deslocados para a Praça 8 de Abril. De acordo com o secretário de Cultura, Esporte e Turismo, Francisco Vuolo, a medida foi tomada pensando na parte de acessibilidade do local. Ele explica que este ano o palco central ficará mais próximo da praça e, assim, a movimentação de comércio na localidade poderia ocasionar acidentes e dificultar, por exemplo, a saída de ambulâncias.

“Essa é mais uma ação de uma série de medidas que a gestão está tomando, dentro o projeto do Réveillon dos 300 Anos, para garantir que as famílias cuiabanas tenham uma festa totalmente segura”, ressalta Vuolo.

A Secretaria de Ordem Pública é a responsável pela fiscalização no entorno do circuito. Para facilitar o cumprimento da medida, a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano já está expedindo as liberações de comercialização dentro destas normas.

Segundo o diretor de fiscalização, Roosewelt Santana, a equipe estará na praça para orientar sobre a suspensão temporária. Ele lembra que o não cumprimento da norma, ou a ato de insistir em permanecer no local proibido, pode levar à apreensão das mercadorias e até uma prisão por desobediência da autoridade fiscal.

“Estamos trabalhando para que o local fique desobstruído, sem causar danos a nenhum grupo envolvido. Solicitamos à pasta de Meio Ambiente que alinhe a liberação para os ambulantes já seguindo essa medida, no intuito de evitarmos que aconteça aglomerado desses vendedores nos dias de festa. Pedimos a colaboração de todos, para que consigamos alinhar a ação e atender todos com a máxima segurança”, diz o diretor.

A circulação dos ambulantes neste local, só ficará suspensa nestes três dias, voltando ao normal já no dia 1° de janeiro. A fiscalização e ordenação dos ambulantes que trabalharão dentro do circuito da Orla é de responsabilidade da Pasta de Cultura, e o processo de cadastramento foi realizado na última semana, mediante publicação de edital.

 

 

Réveillon dos 300 Anos  –  A festa seguirá o formato das edições anteriores e acontecerá nos dias 29, 30 e 31 de dezembro, na Orla do Porto, com entrada gratuita. Na programação, shows nacionais, com Paralamas do Sucesso, Michel Teló, Gino e Geno e Sambô, e as tradicionais apresentações de artistas locais, valorizando as raízes da ‘cuiabania’, além da grande queima de fogos, que vem como novidade para este ano.

 

Confira toda programação aqui

 

Por; Luciana Souza/ Foto; Reprodução

27, dezembro, 2018|