Advogado após acidente embriagado envolvendo cinco veículos, tenta subornar policiais militares vai preso

Um advogado, que não teve a identidade revelada, foi preso acusado de provocar um acidente envolvendo cinco veículos, dirigir embriagado, perseguir um motorista e tentar subornar com R$ 390 policiais militares para não ser preso. O fato aconteceu em Sorriso(400 Km de Cuiabá), na noite deste domingo (26).

O homem só foi detido após colidir contra um poste de iluminação na avenida Brasil. Conforme o boletim de ocorrência, o acusado, que dirigia em alta velocidade, teria atingido um VW Gol, perdido o controle de seu veículo – um GM Celta – e colidido com uma Toyota Hilux. Com o acidente, o motorista de uma Hyundai Santa Fé precisou dar ré e acabou batendo em outro Celta.

Imagens de uma câmera de segurança mostram o momento da colisão, que aconteceu na rua Bandeirantes, ao lado da Praça das Fontes. No vídeo é possível ver que após o acidente o acusado ainda desce do carro e corre atrás da Santa Fé.

[/video]Momentos depois, a Polícia Militar foi informada que o mesmo Celta teria colidido contra um poste de iluminação. Militares foram até o local e encontraram o motorista. Conforme o registro policial, o acusado estava em visível estado de embriaguez.

O homem teria relatado aos policiais que estava perseguindo o condutor da Santa Fé, pois o mesmo o havia “fechado no trânsito”.

Essa não seria a primeira vez que o advogado se envolve em confusões. Em 2017, ele foi detido depois de fugir de uma abordagem. Durante a perseguição, a viatura da PM bateu em uma árvore. O motorista só se entregou após os policiais efetuarem tiros contra seu automóvel.

Meses depois, o acusado esfaqueou dois enfermeiros de uma clínica de recuperação para dependentes químicos de Cuiabá.

O carro do advogado foi apreendido e encaminhado à delegacia de Polícia Civil. Ele se recusou a fazer o teste de bafômetro, mas acabou sendo preso e também foi levado à delegacia.

 

Redação JA

Foto; Reprodução PMMT

27, maio, 2019|